Ousadia, Urgência e Constância

03 Chaves – Ousadia, Urgência e Constância

ousadia-urgencia-e-constancia

Ao estudarmos as escrituras, encontramos claramente três chaves que nos qualificam para voltar à presença de nosso amado Pai Celestial e, sem dúvida, sem a aplicação delas em nossa vida, jamais poderemos abrir as portas dos céus. ‘Chaves’ servem para abrir portas físicas e servem também para abrir portas em todas as áreas de nossa vida! Abrir as portas para o sucesso profissional; abrir as portas para o sucesso educacional; abrir as portas para o sucesso familiar e finalmente abrir as portas para o amadurecimento espiritual.

A primeira delas é a chave da OUSADIA! Nos dicionários encontramos a seguinte definição: “Bastante coragem, audácia (ânimo para fazer coisas arrojadas) esforço, atrever-se a dizer ou fazer”. Na maioria das vezes em nossa vida, não somos ousados em nossas metas, em nossos sonhos, em nossos desejos e em nossas ações! Muitos profetas demonstraram a aplicação dessa chave em várias circunstâncias. Por exemplo, os Apóstolos Pedro e João interrogados diante de Anás, o sumo sacerdote, numa época de muita perseguição aos santos, foramousados em suas respostas e Anás decidiu:

“Mas, para que não se divulgue mais entre o povo, ameacemo-los para que não falem mais nesse nome a homem algum. E, chamando-os, disseram-lhes que absolutamente não falassem, nem ensinassem, no nome de Jesus. Respondendo, porém, Pedro e João, lhes disseram: Julgai vós se é justo, diante de Deus, ouvir-vos antes a vós do que a Deus; Porque não podemos deixar de falar do que temos visto e ouvido. (…) Agora, pois, ó Senhor, olha para as suas ameaças, e concede aos teus servos que falem com toda a ousadia a tua palavra; (…) E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus” (Atos 4:17-20; 29; 31, grifo meu).

A segunda é a chave da URGÊNCIA! Nos dicionários lemos: “Pressa, fazer-se com rapidez, Indispensável, iminente”. Muitas vezes somos ousados em nossos planos, mas, falhamos na rapidez em executá-los. Temos que ser rápidos para não perdermos as oportunidades que se apresentam na vida. Quando o anjo apareceu a Maria Madalena e à outra Maria e deu-lhes instruções sobre a ressurreição do Salvador, deu-lhes também uma ordem. Observemos a reação delas:

“Ide pois, imediatamente, e dizei aos seus discípulos que já ressuscitou dentre os mortos. E eis que ele vai adiante de vós para a Galiléia; ali o vereis. Eis que eu vo-lo tenho dito. E, saindo elas pressurosamente do sepulcro, com temor e grande alegria, correram a anunciá-lo aos seus discípulos” (Mateus 28: 7-8, grifo meu).

Pressurosamente significa atender rapidamente e, de boa vontade, elas correram demonstrando obediência imediata, o que é maravilhoso! Quão rápidos somos em seguir a voz de nosso profeta? Quão rápidos somos em seguir as instruções de nossos líderes? Quão rápidos somos em seguir as instruções de nossos pais?

A terceira é a chave da CONSTÂNCIA! A definição nos dicionários é:“Perseverança, persistência, firmeza de ânimo, coragem, imutável, invariável, que não se desloca”. O Apóstolo Paulo disse:
“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor” (I Coríntios 15:58).

Podemos ser ousados e podemos fazer as coisas com urgência, entretanto falhamos na maioria das vezes na constância e essa falha nos impede de nos tornarmos vencedores. De fato, ninguém consegue chegar a lugar algum se não for constante em tudo que fizer. No livro de Mórmon o Profeta Alma, aconselhando seu filho Siblon no ano 74 a.C. disse: “E agora, meu filho, confio em que terei grande alegria em ti, devido a tua constância e fidelidade a Deus; porque assim como principiaste em tua juventude a confiar no Senhor teu Deus, da mesma forma espero que continues a guardar seus mandamentos; porque bem-aventurado é o que persevera até o fim” (Alma 38:2, grifo meu).

Rogo ao Senhor, que possamos desenvolver a habilidade de saber usar apropriadamente essas três chaves e, se assim fizermos, certamente as portas das oportunidades em nossa vida nos serão abertas, bem como as portas da eternidade! Deus vive, o Pres. Monson é o Seu profeta vivo, Cristo é o nosso Salvador e sua Igreja foi restaurada pelo Profeta Joseph Smith. O livro de Mórmon é a palavra de Deus.

 

Joel Fernandes